17 agosto, 2016

17 de Agosto - Gato ou Leão?



“Pois o espírito que Deus nos deu não é de medo, mas de poder, de amor e de equilíbrio” 2 Timóteo 1:7

Um grande pregador escocês chamado Alexander MacLaren quando menino  trabalhava durante a semana em uma cidade da Escócia que ficava a alguns quilômetros da pequena vila em que vivia com a família. Ele só voltava para casa aos sábados à noite. Porém seu maior problema é que no caminho para casa tinha que atravessar um vale, dentro da mata fechada, que os supersticiosos diziam ser um lugar infestado de assombrações.  A primeira semana de trabalho foi um verdadeiro martírio só de pensar em ter que atravessar aquela escuridão o que lhe deixava apavorado. O sábado chegou e como não havia outra alternativa, tomou coragem e rumou para casa, noite adentro. Ao aproximar-se do desfiladeiro, o coração dele bateu em disparada. De repente ouviu um estalo à distância, no meio da mata. “São eles”, pensou, “as assombrações”. Ele parou em pânico!  Mais um estalo. “É agora!...Meu Deus, me proteja!” De súbito, ouviu uma voz no meio da escuridão: “Alex, meu filho, sou eu, seu pai. Eu vim para atravessar o vale com você!” (Wilson Sarli, Água da Fonte.). Da mesma forma, Deus se importa com nossos medos e preocupações. Ele nos acompanha todas as vezes que temos que atravessar bosques escuros e vales profundos de surpresas ameaçadoras como: doenças, separação de amigos e familiares, problemas financeiros, traições, solidão, perdas, enfim uma infinidade de “assombrações” que nos assustam. Deus, a semelhança do pai de Alex vem em nosso encontro, segura em nossas mãos nos encorajando e dando a certeza de que nunca estamos sós. 
Reflexão dirigida:
1) Debaixo do Poder de Deus nos transformamos de gatos em leões.
2) Deus nos dá coragem para seguir em frente apesar do medo.


25 junho, 2016

24 de Junho - Sinais



"O Senhor guardará você de todo o perigo; Ele protegerá a sua vida" Salmo 121:7
  
Alguma vez você já lembrou de alguém, de repente, sem nenhuma razão aparente? Se sentiu angustiado, como se algo estivesse para acontecer? Ou, já teve algum sonho que sentiu ser um aviso? Não despreze essas experiências, pois Deus em sua infinita bondade, muitas vezes nos envia sinais para nos proteger, preparar, ou proteger alguém que amamos ou conhecemos. Estejamos atentos, pois se Deus nos revelou algum perigo rondando, é porque deseja nos proteger e conta com nossa oração no exato momento em que nos traz à mente alguma pessoa. Um homem viveu isso: “Eu viajava  de avião de Orlando para São Paulo. Sobrevoava a região do Caribe, quando o comandante avisou que teríamos que fazer um pouso na República Dominicana, para um reparo técnico. Foram feitas várias tentativas, mas o avião não conseguia perder altitude. Ficamos sabendo, então, que um dos lemes estava com problema de comando. Na quinta tentativa, depois de derramar parte do combustível no ar, o comandante conseguiu aterrissar em segurança. Minha irmã Esther, contou-me posteriormente, quando lhe narrei esse fato, que naquele dia, mais ou menos naquela hora, ela teve um pressentimento de que deveria orar por mim para que Deus me protegesse na viagem. E ela o fez." (W. S.)
Reflexão dirigida:
1) Você já viveu isso alguma vez?
2) O poder da oração é muito maior do que imaginamos.


18 junho, 2016

18 de Junho - O Sabor da Fidelidade


 “O amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta” (1 Coríntios 13:7)

A Jornalista Renata Vasconcelos escreveu: “O problema não está em ter câncer, mas no que ele pode representar ao unir ou separar pessoas. Cheguei a esta conclusão depois de passar pela enfermidade. Meu esposo esteve o tempo todo ao meu lado e apesar do imenso cansaço nunca saiu de perto de mim. Mas nem  sempre isso acontece.  Um estudo realizado pelo  “Fred Hutchinson Cancer Research Center”, nos Estados Unidos, apontou que 21% dos homens se afastam da esposa depois do diagnóstico de problemas sérios de saúde, como o câncer. E que quando um dos cônjuges adoece o casal fica seis vezes mais propenso ao divórcio. Queria nesse artigo reanimar você, esposo(a), a não desanimar caso ele(a) adoeça, pois também para isso você se casou. O sabor da fidelidade só provam aqueles que resistem na alegria e na tristeza, na saúde e na doença”. (Comunidade Canção Nova).
Reflexão dirigida:
1) Não desperdice a oportunidade de ser fiel a quem ama.
2) Permaneça ao lado de quem está sofrendo isso alivia a dor e traz esperança
3) http://angelscrist.blogspot.com.br/2012/01/20-de-dezembro-uma-linda-historia-ii.html

26 maio, 2016

26 de Maio - Floresça Aonde For Plantado



“Quem permanece em mim, e eu nele, esse dá muito fruto” Jesus (João 15:5)

Imagine uma plantinha brotando do chão. Suas raízes estão afundadas em lama e sujeira, mas ela não é a lama ou a sujeira. Sua haste volta-se para cima, eleva-se, afasta-se da sujeira e dirige-se ao céu, de onde a luz que vem de cima a ilumina e lhe dá forças para viver. Essa planta cresce, floresce, e dá frutos, tira do solo o que é de valor e transforma-o em vida. Devemos ser assim. Deus nos planta muitas vezes, em lugares nada atraentes, cheios de lama e sujeira, a fim de que ali venhamos a brotar, florescer e manifestar vida e beleza. Ele espera que tiremos da lama a matéria-prima a partir da qual frutificaremos. Floresça no local onde você está plantado. Se você confiar em Deus, que o plantou nesse lugar, e perseverar, será como árvore frutífera dando sombra, sustento, beleza e vida onde haveria apenas o vazio da morte. Ao invés de olhar a lama ao seu redor, levante a cabeça e olhe para a luz que vem de Deus e receba a energia que Ele lhe envia, para que você dê frutos no lugar aonde está.
Reflexão dirigida:
1) Você é uma semente do céu chamada a frorescer na terra.
2) Tudo em sua vida tem um  propósito.




12 março, 2016

12 de Março - Qual a Probabilidade?


“Agindo Deus quem impedirá?” (Isaías 43:13)

Certa noite meu filho indo para a Faculdade, perdeu sua carteira no ônibus. Ele só se apercebeu disso quando precisou pegar a carteirinha de estudante para ingressar na Faculdade e não encontrou a carteira. Para poder entrar preencheu um formulário e  foi assistir aula. Pouco antes do término do período ligou contando o que havia acontecido e pediu para meu marido ir buscá-lo. Assim que chegou em casa cancelou o cartão do banco, VR e fez o Boletim de Ocorrência pela Internet. Agradecemos a Deus por ele não ter sido assaltado  a mão armada e estar bem. O inacreditável aconteceu: Dois dias depois meu filho recebe uma mensagem dizendo que uma moça encontrou sua carteira no ônibus e pelo seu documento o procurou no Facebook. Descobriu  que ele era um amigo em comum do primo do ex-namorado dela. Então entrou em contato com o ex-namorado, que por sua vez falou com o primo que entrou em contato com meu filho. A carteira foi devolvida exatamente da mesma forma como caiu no chão, sem faltar absolutamente nada. Deus é Fiel! 
Reflexão dirigida:
1) Honestidade gera honestidade.
2) Algo impossível aos homens é possível para Deus.



27 fevereiro, 2016

27 de Fevereiro - Mães de Joelho, Filhos de pé


“Até que eu, Débora, me levantei, por mãe de Israel me levantei” Juízes 5:7

Em maio de 1995 por ocasião da Conferência Global sobre Evangelização Mundial em Seul na Coréia, o Pastor Jeremias P. da Silva assistiu  à consagração dos primeiros 100 mil jovens para a obra missionária de evangelização. Durante a consagração foi feito uma menção de gratidão às mães que oraram para que esse momento se tornasse realidade. Esse fato fez nascer no coração do Pastor Jeremias bem como do Pastor Marcelo Gualberto o sonho de ver acontecer algo semelhante no Brasil.  Assim eles lançaram um desafio para que as mães brasileiras começassem a orar intensamente por um despertar missionário no Brasil. A esposa do Pastor Jeremias, Ana Maria, foi convidada a unir-se a eles e assim os três iniciaram esse movimento, que tem como nome: “Desperta Débora que veio da leitura do livro de Juízes (5:7-12) no Antigo Testamento da Bíblia. Esse trecho conta que Débora foi uma juíza que se levantou como mãe para defender Israel, sua nação, e desafia a si mesma dizendo: “Desperta Débora, desperta. Desperta, acorda”. O Brasil conta hoje com mais de 50 mil mães biológicas, adotivas ou espirituais, de qualquer denominação religiosa, comprometidas a orar diariamente por seus filhos e pela juventude por no mínimo 15 minutos diários. As nossas  crianças, adolescentes e jovens precisam de nossas  orações incessantes pois vivem expostos às pressões tão incrivelmente perigosas como a prostituição, as drogas, violência, etc. Creia: a sua oração faz a diferença.
Reflexão dirigida:
1) Ninguém ora por um filho como uma mãe.
2) Una-se ao movimento orando 15 minutos diariamente.
3) Ore agora por seu filho:  http://angelscrist.blogspot.com.br/2010/06/oracao-filhos.html

13 fevereiro, 2016

13 de Fevereiro - Compaixão


“Eu afirmo a vocês que isto é verdade: quando vocês fizeram isso ao mais humilde dos meus irmãos, foi a mim que fizeram” Jesus (Mateus 25:40)

O comissário de voo Walmir Júnior, certo dia indo a padaria, se deparou com uma senhora caída na rua. Ao se aproximar, percebeu que ela estava bastante debilitada, e como tinha o treinamento de primeiros socorros devido a sua profissão, fez o atendimento inicial. Após uma conversa com ela, Walmir descobriu que ela morava em uma cidade bem distante e estava ali para receber uma cesta básica que alguém havia lhe prometido, uma vez que estava passando por duras necessidades, pois sua filha havia abandonado a casa e deixado três filhos pequenos aos cuidados dela.  Walmir não sentiu indiferença  por aquela mulher na calçada, pelo contrário sentiu compaixão, e a  auxilou tanto física como materialmente. Mas, não parou por aí, compartilhou com ela, seu bem mais precioso, sua fé no amor de Jesus Cristo e a certeza de que Ele está cuidando dela e de sua família.   
Reflexão dirigida:
1) Compartilhe sua fé e leve esperança aos que sofrem.
2) Gestos de amor semeiam a esperança no mundo.

30 janeiro, 2016

30 de Janeiro 2016 - Desafio


“Eis que estou a porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, eu entrarei na sua casa, e nós jantaremos juntos”  Apocalipse 3:20

Um homem queria agradecer  de forma prática a Jesus Cristo tudo o que Ele havia feito em sua vida. Decidiu então, ir para um bairro muito violento de uma grande cidade, e a contar para as pessoas de onde Jesus o havia tirado e tudo o que havia feito em sua vida. Entre os seus ouvintes estava um ateu que o desafiou para um debate em público. O homem aceitou impondo uma condição: “Que o ateu levasse no dia do debate, um bêbado que tivesse deixado o vício por influência do ateísmo; uma prostitua que tivesse mudado de vida por ler livros ateus e um dependente químico que tivesse abandonado as drogas por abraçar o ateísmo.” O homem então completou: “No dia do debate, eu prometo que irei à frente de um pequeno exército de ex-bêbados, ex-prostitutas; ex-dependentes que abandonaram seus vícios por terem conhecido verdadeiramente a Jesus Cristo.”  Então, o ateu silenciou e foi embora.
Reflexão dirigida:
1) Você costuma agradecer as bênçãos que recebe?
2) Convidemos Jesus para transformar o que for preciso em nossa vida.