15 abril, 2009

REDE DE LUZ 2009 - 12 de abril



“ Eu sou a videira, vós, os ramos.” João 15:5

Você talvez nunca tenha caminhado em meio a uma vinha, nem visto uvas pendendo nos galhos. Num vinhedo, a videira é o ramo principal ou tronco que cresce do chão. Não é a videira que produz os frutos, e sim, os ramos. O agricultor, neste caso, também conhecido como viticultor é quem trata de cada ramo de modo a produzir o máximo possível de uvas. Numa vinha diversos ramos crescem a partir de cada videira. São amarrados em estacas ou arames para suporte e cuidado. Cada novo ramo, cada folha nova ou gavinha que sai é tratada com carinho e cuidado tendo em vista a colheita, pois o viticultor tem em mente os frutos. Nós enquanto cristãos somos os ramos presos a videira que é Jesus. Como um viticultor que tem um alvo em mente, Deus tem trabalhado com cuidado e amor, em nossas vidas, para que possamos dar frutos em abundância. Mas o que é um fruto? Um fruto para Deus é uma boa obra, algo que você faça para ajudar alguém, que manifeste o amor de Deus. Isso não exige de nós um palco, um talento extraordinário, ou uma oportunidade única, muito pelo contrário, as oportunidades surgem a todo momento em nosso dia a dia. Para tanto é preciso que tenhamos um coração aberto, para que na hora que a oportunidade surgir, não a deixemos passar, e façamos o nosso melhor, manifestando o amor de Deus, através de uma boa obra a favor de alguém.

Reflexão dirigida:

1) Que frutos você tem produzido a cada dia?

2) Pergunte-se no final da cada dia: fiz o meu melhor?

3) Fomos criados com o propósito de manifestar o amor de Deus na terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por postar um comentário! Esse blog ficará mais rico em informações após sua contribuição.