09 dezembro, 2013

9 de Dezembro - Deixe Ir...



 
 “Perdoa as nossas ofensas como também nós perdoamos as pessoas que nos ofenderam” Jesus (Mateus 6:12)
O professor pediu para que os alunos levassem batatas e uma sacola plástica para a aula. Ele pediu para que separassem uma batata para cada pessoa de quem sentiam mágoas e escrevessem seus nomes nelas e as colocassem dentro da sacola.  Durante uma semana, deveriam levá-la aonde fossem. O incômodo de carregar a sacola a cada momento, mostrava-lhes o tamanho do peso espiritual diário que a mágoa ocasiona, além da atenção que tinham que ter  para não esquecerem a sacola em nenhum lugar, o que fazia com que deixassem de prestar atenção em outras coisas que eram importantes para eles. Esta é uma metáfora do preço que se paga, todos os dias, para manter a dor e o ressentimento. Perdoar e deixar ir embora esses sentimentos é a única forma de trazer de volta a paz e a alegria para dentro de nós.
Reflexão Dirigida:
1) É tempo de arrancar as ervas daninhas do jardim dos nossos corações.
2) Perdoar é um gesto de inteligência emocional e um presente que nos damos.

04 dezembro, 2013

4 de Dezembro - Princípios




 “Vocês estão na luz, por isso vivam como pessoas que pertencem à luz” Efésios 5:8

Um monge e seus discípulos iam por uma estrada e, quando passavam por uma ponte, viram um escorpião sendo arrastado pelas águas. O monge correu pela margem do rio, pulou na água e tomou o bichinho na mão. Quando o trazia para fora, o bichinho o picou e devido à dor, o homem deixou-o cair novamente no rio. Foi então à margem, pegou um ramo de árvore, entrou novamente no rio, colheu o escorpião e o salvou. Seus discípulos que assistiram tudo o receberam perplexos e penalizados: “Mestre por que foi salvar esse bicho ruim e venenoso? Veja como ele respondeu à sua ajuda, picou a mão que o salvara! Não merecia sua compaixão! O monge ouviu tranquilamente os comentários e respondeu: Cada um age de acordo com a sua natureza. Ele agiu conforme a natureza dele, e eu de acordo com a minha”.
Reflexão Dirigida:
1) Mantenhamos nossos princípios mesmo quando nos depararmos com pessoas sem princípios.

25 novembro, 2013

25 de Novembro - Eu Compreendi...



 “Vinde a mim todos que estais cansados e oprimidos que Eu vos aliviarei” Jesus (Mateus 11:28)
“Escuta Deus, jamais falei contigo. Hoje quero saudar-te: Bom dia! Sabes? Disseram que Tu não existe, e eu, tolo, acreditei que era verdade. Nunca havia reparado a Tua obra. Ontem à noite da trincheira atingida por granadas, vi Teu céu estrelado, e compreendi então, que me enganaram. Não sei se apertarás a minha mão. Vou Te explicar e hás de compreender. É engraçado! Neste inferno hediondo achei a luz para enxergar Teu rosto. Dito isto, já não tenho muita coisa a Te contar... Só que...que... tenho muito prazer em conhecer-Te. Faremos um ataque à meia noite. Não sinto medo Deus, pois sei que Tu velas. Ah! É o clarim! Bom Deus, devo ir-me embora. Gostei de Ti, vou ter saudade... Quero dizer... será cruenta a luta, bem O sabes. Esta noite pode ser que eu vá bater em Tua porta! Muito amigos não fomos... É verdade. Mas, sim estou chorando! Vês Deus, penso que já não sou tão mau. Bem Deus, tenho de ir...” (Oração encontrada no bolso de um soldado desconhecido, morto em campo de batalha – Revista Otimismo).
Reflexão Dirigida:
1) E você crê ou não que Deus existe?
2) Podemos escolher ser amigos de Deus.

04 novembro, 2013

4 de Novembro - A liberdade da Vida Simples


“Parece que não temos nada, mas na verdade possuímos tudo” II Cotíntios 6:10
O presidente do Uruguai, José “Pepe” Mujica, é uma dessas vozes que merecem e devem ser ouvidas. Lutou contra a ditadura militar que governou o Uruguai, ficando preso  mais de doze anos em quartéis uruguaios. Foi submetido a um regime de destruição física, moral e mental que incluiu dois anos de encarceramento no fundo de um poço. Foi praticamente, enterrado vivo. Neste período, aprendeu a conversar com rãs, ouvir o grito das formigas e a “galopar para dentro de si mesmo”, como forma de não enlouquecer. Sobreviveu. Saiu da prisão, junto com sua companheira de vida e de luta, e foram morar em um pequeno sítio nos arredores de Montevidéu, onde vivem até hoje, embora a residência Suarez Y Reyes, destinada aos presidentes da República devesse ser o seu endereço, ele a usa para reuniões de trabalho. Mujica tem horror ao cerimonial e aos privilégios do cargo. Acha que presidente não tem que ter mais do que os outros. Ama e cultiva a vida simples. 
 Reflexão Dirigida:
1) E nós temos vivido de forma simples?
2) Quem necessita de pouco para ser feliz tem mais paz interior.

31 agosto, 2013

31 de Agosto - Você tem Experiência? - Parte Final



“Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” Jesus (João 10:10)
(Continuação)...“Já tomei banho de chuva, já roubei beijo, já me queimei brincando com vela. Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são as mais difíceis de esquecer. Já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar. Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já quase morri de amor, mas renasci novamente para ver o sorriso de alguém especial. Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar, já roubei rosas num enorme jardim. Já me apaixonei e achei que era para sempre, mas um “para sempre” pela metade. Já deitei na grama de madrugada e vi a lua virar sol. Já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos. Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardados num baú chamado coração. E agora um formulário me interroga, me encosta na parede e grita: “Qual sua experiência”? Será que ser “plantador de sorrisos”, é uma boa experiência? Não! Talvez eles não saibam ainda colher sonhos! Agora, gostaria de indagar uma pequena coisa para quem formulou esta pergunta: Experiência? Quem a tem, se a todo momento tudo se renova”?
Reflexão dirigida:
1) Alegre-se por tudo o que já viveu e confie no que ainda viverá.
2) Nas coisas simples da vida há  manifestação do amor de Deus.
3) Deus nos ajuda a viver cada momento de forma especial.

30 de Agosto - Você Tem Experiência?



 “E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo coração” Colossenses 3:23
Num processo de seleção da Volkswagen, os candidatos deveriam responder à seguinte pergunta: “Você tem experiência”? A redação a seguir foi desenvolvida pelo candidato que foi aprovado. Seu texto está fazendo sucesso, e mesmo que seu nome não tenha sido divulgado, o candidato será sempre lembrado por sua criatividade, sua poesia, e acima de tudo sua alma: “Já conversei com o espelho, já quis ser astronauta, violinista, mágico, caçador, trapezista. Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés para fora. Já confundi sentimentos, já corri para não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só. Já apostei corrida na rua descalço, já raspei o fundo da panela de arroz carreteiro, já gritei de felicidade. Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas, já caí de costas da escada, já subi em árvore pra roubar fruta. Já fiz juras eternas, já escrevi no muro da escola, já chorei sentado no chão do banheiro, já fugi de casa para sempre e voltei no outro instante. Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado, já me cortei fazendo a barba apressado, já chorei ouvindo música no ônibus....” (continua amanhã)