17 dezembro, 2010

16 de Dezembro - Se Alguma Vez...


“Deus é Amor” 1 João 4:8

Alguma vez, você sentiu tristeza e solidão, e foi consolado pela sensação de haver alguém ao seu lado? É Deus, que te acolhe através de Jesus Cristo. Alguma vez, ao pensar em alguém que você gosta e não vê há tempo, a pessoa te liga ou você a encontra? É Deus, porque o acaso não existe! Alguma vez, você foi agradavelmente surpreendido ao receber algo que você nem tinha pedido? É Deus, que conhece bem os segredos do teu coração. Alguma vez, você esteve numa situação muito problemática sem ter a menor idéia de como resolver e de repente a solução aparece? É Deus, que toma os nossos problemas em suas mãos. Alguma vez, você se sentiu tão cansado, a ponto de desistir da vida, e de repente um dia se sente com novas forças para continuar? É Deus, expressando Seu amor por você, te carregando nos braços e te dando o descanso necessário.

Reflexão dirigida:

1) Confie no amor de Deus por você, pois Deus é fiel.

2) Vale a pena investir no seu relacionamento com Deus.

3) Deus expressa seu amor por nós de formas diversas.

15 de Dezembro - Preciosa Missão


“Educa a criança no caminho que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele” Provérbios 22:6

Ao olhar um navio no porto imaginamos que ele esteja em seu lugar mais seguro. Entretanto, ele ali está em preparação e abastecimento para se lançar ao mar, ao destino para o qual foi criado, indo ao encontro das próprias aventuras. Certamente retornará mais experiente pelo aprendizado adquirido e enriquecido pelas diferentes culturas percorridas. E haverá gente no porto feliz à sua espera. Assim são os filhos, que têm nos pais o seu porto seguro. Porém, por mais segurança e sentimentos de proteção que possam sentir junto aos seus pais, eles nasceram para singrar os mares da vida, correr seus próprios riscos e viver seus próprios empreendimentos. Levarão consigo os exemplos dos pais, os conhecimentos aprendidos, e os valores herdados, como: honestidade, respeito, perseverança, coragem, gratidão, generosidade e o entendimento de que mais tarde serão chamados a ser porto para outras pessoas.
Reflexão dirigida:
1) Educar filhos é uma grande missão aos olhos de Deus.
2) Nosso exemplo educa mais do que muitas palavras.
3) Ensinemos nossos filhos a amar e se relacionar com Deus.